Nos acompanhe através das redes socias

Boletim Informativo

Para manter-se atualizado, cadastre seu e-mail e receba os nossos informativos periódicos!

05 de Setembro de 2019

Notários e Registradores são homenageados na abertura do 82º Encoge no Paraná

Fonte: Assessoria de Imprensa

Foz do Iguaçu (PR) – A cerimônia de abertura do 82º Encontro do Colégio Permanente de Corregedores-Gerais dos Tribunais de Justiça do Brasil (Encoge), realizada na noite desta quarta-feira (04.09) em Foz do Iguaçu, no Paraná, marcou uma série de homenagens a notários e registradores paranaenses e também importantes referências à importância extrajudicial brasileira.

Ao abrir o evento, o presidente do Colégio de Corregedores Gerais da Justiça, o desembargador Fernando Cerqueira Norberto dos Santos, do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco (TJ/PE), destacou a importância da atividade extrajudicial para a sociedade. “Trata-se de uma das mais importantes áreas do Judiciário, e que tanto tem contribuído em benefício da própria prestação jurisdicional, uma vez que notários e registradores tem a cada dia recebido mais atribuições, desafogando assim o excesso de processos que chegam ao Judiciário”, disse.

Já o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins, atual corregedor nacional de Justiça, ao falar sobre uma das metas da Corregedoria Nacional de Justiça para 2019, destacou a relevância do segmento para a sociedade e para o próprio Judiciário. “Os serviços extrajudiciais são o pulmão e o coração do Judiciário, pois estão em contato com o dia a dia das pessoas, prestando os melhores serviços e conferindo segurança jurídica aos atos pessoas e patrimoniais das pessoas, às suas vidas e aos seus bens”, apontou. “O Poder Judiciário está unido com a atividade extrajudicial. Temos que fortalecer o papel das Corregedorias como instrumento de orientação, pois tudo na vida tem que ter a dosagem certa”, concluiu.

Coube ao desembargador José Augusto Gomes Aniceto, corregedor-geral da Justiça do Estado do Paraná chamar ao palco os representantes da atividade extrajudicial no Paraná para agradecer o apoio na realização do evento e entregar uma homenagem do Tribunal paranaense aos presidentes da Associação dos Notários e Registradores do estado do Paraná (Anoreg/PR), Angelo Volpi Neto, do Colégio Notarial do Brasil – Seção Paraná (CNB/PR), Monica Maria Guimarães de Macedo Dalla Vecchia, do Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil – Seção Paraná (IEPTB/PR), João Norberto França Gomes, da Confederação Nacional de Notários e Registradores (CNR), Rogério Portugal Bacellar, da Associação dos Registradores Imobiliários do Paraná (Aripar), Gabriel Fernando do Amaral, do Instituto do Registro Civil das Pessoas Naturais do Estado do Paraná, Elizabete Regina Vedovatto, do Instituto de Notários e Registradores do Paraná (Inoreg), Claudio Roberto Bley Carneiro, e do presidente do Instituto de Distribuição do Paraná, José Borges da Cruz Filho.

A solenidade marcou ainda a entrega de homenagens do Colégio Permanente de Corregedores Gerais dos Tribunais de Justiça do Brasil (CCOGE), entregues pelo desembargador Fernando Cerqueira Norberto dos Santos ao presidente da Confederação Nacional dos Notários e Registradores (CNR), Rogério Portugal Bacellar, e a entrega de medalhas “Décio Antônio Erpen”, instituída pelo CCOGE, ao presidente do Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Estado do Brasil – Seção Paraná (IEPTB/PR), João Norberto França Gomes e aos registradores José Borges da Cruz Filho e Nairaná de Aquino.


Fonte: Assessoria de Imprensa

Confira Também